INTERVENÇÃO DA EMDHAP POSSIBILITA ATUAIS REPAROS NOS EMPREENDIMENTOS IPÊS

li>Compartilhe nas redes Sociais

Previsão para conhecimento do andamento do serviço é na próxima segunda-feira, 26 de agosto.

No dia 14 de agosto de 2019, quarta-feira, a construtora responsável pelo empreendimento Ipês Branco, Amarelo e Roxo, começou os trabalhos de reparação dos apartamentos e da área de convivência dos condomínios, com três equipes, uma em cada Ipê. O processo só foi possível após intervenção da EMDHAP (Empresa Municipal de Desenvolvimento Habitacional), depois de receberem diversas reclamações dos síndicos e moradores. Entre os problemas encontrados estão os pisos e azulejos trincados e soltos, além de mofo, decorrente de infiltrações, entre outros diversos problemas construtivos que surgiram após a entrega dos apartamentos. As queixas feitas pelos residentes também foram sobre a falta de atenção recebida pela construtora.

A diretora Administrativo/Financeira da EMDHAP, Kátia Mesquita, relata que, desde que assumiu a administração da empresa habitacional, foi procurada por dezenas de moradores dos empreendimentos Piracicaba e Ipês. Entretanto, não pôde fazer nada no âmbito administrativo pelo Empreendimento Piracicaba, devido ao tempo de garantia de obra que teve o prazo finalizado, restando apenas vias judiciais.

Na questão dos Ipês, por estarem ainda dentro do período de garantia de obra, as medidas necessárias foram tomadas. Kátia entrou em contato com a Caixa Econômica Federal, órgão responsável pela contratação da construtora, e exigiu os direitos do moradores e deveres da empresa para que os reparos nos apartamentos e área comum do Ipês sejam executados. “Já que a garantia ainda existe, não podemos perder tempo”, ressalta a diretora.

Entre as medidas tomadas, as sindicas e moradores insistiram que fossem feitas as devidas vistorias e consertos pela construtora, mas não houve sucesso. Foi aí que a EMDHAP entrou em ação ao solicitar com urgência, via Ofício, uma vistoria de engenheiro da Caixa Econômica Federal, órgão responsável pela contratação da construtora, nos Ipês Branco, Amarelo e Roxo, com a presença das síndicas e a equipe da empresa habitacional.

Em resposta à EMDHAP, a Caixa Federal, juntamente com construtora, agendou uma vistoria no Empreendimento Parque dos Ipês, que aconteceu na manhã do dia 22 de julho de 2019. A visita foi acompanhada pelas síndicas e subsíndico e contou com a participação do representante da Caixa Federal; dos representantes da construtora e representantes da EMDHAP: engenheiro; estagiária de engenharia e assistentes sociais.

Segundo o representante da Caixa, alguns dos problemas encontrados na vistoria são realmente da construtora e outros são de responsabilidade do condomínio, como por exemplo a manutenção da área comum. Algumas das reclamações já haviam sido encaminhadas e resolvidas, já outras ainda aguardam retorno. Ao finalizar a visita, problemas como infiltrações e deslocamento de azulejos foram apontados nos três Ipês, além de outras falhas na área elétrica; calçadas afundando; falta de corrimões, entre outros.

Foi também sugerido que a equipe da construtora enviasse à EMDHAP, quinzenalmente, as relações de solicitações que foram executadas e as que andamento. O representante da empresa informou que fará o possível para enviar um relatório quinzenal com as devidas informações necessárias. Após o início dos trabalhos de reparação, a previsão para conhecimento do andamento do serviço será na próxima segunda-feira, 26 de agosto.

Letícia Ortolani
Jornalista