EMDHAP REALIZA REUNIÃO COM SÍNDICAS DO IPÊS BRANCO, AMARELO E ROXO

  • Compartilhe nas redes Sociais

Hoje, 03, a Emdhap na pessoa de sua Diretora Administrativa, Sra. Kátia Mesquita, juntamente com as assistentes sociais, Karol Lopes e Lidiane Pontim, realizaram reunião com as sindicas do Ipês, para darem continuidade os problemas apresentados na última reunião.

Ficou acertado que as sindicas estarão marcando assembléia geral nos condomínios para que a EMDHAP possa estar tratando dos assuntos apresentados pelas síndicas, principalmente no que diz respeito a inadimplência do pagamento do valor do condomínio. Segundo as síndicas, a inadimplência está muito alta, chegando ao patamar de 80%. Ficou decidido para os próximos meses, a empresa habitacional estar em conjuntamente com as síndicas, realizando o curso de designer de sobrancelhas para qualificação das interessadas, atendendo os pedidos dos moradores.

Foi conversado sobre a possibilidade de uma festa nos condomínios, em comemoração ao dia das crianças, curso de Micro- Empreendedor (MEI) e a retomada do futebol, projetos que a EMDHAP está tentando desenvolver com parceiros.

Segundo a diretora Kátia, sabemos da importância de dar continuidade e apoio aos empreendimentos, mesmo com o encerramento do prazo do projeto de pós ocupação. As crianças principalmente, precisam desenvolver atividades constantemente, evitando que com a ociosidade, se percam com drogas por exemplo.

Também, foi informado para as sindicas que as assistentes sociais, estiveram mais uma vez, visitando os apartamentos que receberam denúncias por abandono, venda e locação e que a EMDHAP continuará insistindo junto à Caixa Econômica Federal para a tomada de providências de reintegração administrativa, pois a empresa habitacional entende que as provas já apresentadas, sejam suficientes para essa reintegração.

A EMDHAP estará reforçando pela quarta vez, pedido para que a Caixa Federal tome as medidas cabíveis, e agora com o endosso em relatório assinado pelas síndicas dos Ipês e informa que está sempre acompanhando os problemas dos moradores dos Ipês, sejam ele de ordem condominial ou até mesmo estrutural e que assim que recebe as denúncias, encaminha aos órgãos competentes para providências cabíveis.