Cento e sessenta pessoas foram atendidas em ação no Minas Nova

  • Compartilhe nas redes Sociais

A unidade móvel da EMDHAP serviu para coletar os documentos e as assinaturas de declarações faltantes dos moradores do núcleo irregular Minas Nova, na última terça-feira (19/06) e quarta-feira (20/06). Os moradores que ainda não acertaram suas documentações terão até amanhã (22/06) para regularizarem sua situação no horário das 13h00 à 16h30

No primeiro dia de atendimento, 75 pessoas se dirigiram à unidade móvel e na quarta-feira (20/06), 85 pessoas também cumpriram as convocações entregues em suas moradias pelo setor de regularização fundiária.

O atendimento foi realizado no próprio núcleo e fora do horário comercial, a fim de zerar as pendências do processo de regularização fundiária. Antes dessa ação, o Loteamento Minas Nova tinha o saldo de 75 documentações incompletas e 100 declarações com assinaturas faltantes.

A EMDHAP através do processo de regularização fundiária, tem o objetivo de garantir a titulação de seus respectivos ocupantes através de medidas jurídicas, sociais urbanísticas e ambientais.

Aqueles que faltam assinar a declaração devem comparecer na EMDHAP, até amanhã (22/06), trazendo o RG e CPF. Os casados ou amasiados precisam comparecer juntos para assinatura do documento.

Os moradores que não entregaram todos os documentos necessários precisam trazer o xerox e o original dos seguintes documentos:

– RG (não será aceito a CNH);

– Carteira Profissional (xerox das páginas: Foto/Qualificação Civil, Contrato de Trabalho e próxima página em branco, mesmo não sendo registrado);

– Contrato de compra e venda do imóvel;

– Holerite ou extrato do INSS (se aposentado ou beneficiário);

– Comprovante de estado civil: certidão de casamento, certidão de nascimento, certidão de casamento com separação averbada, certidão de casamento com óbito averbado.

Lembrete: Casados e amasiados devem comparecer juntos, levando os documentos do casal.


Texto: Lucia Teodoro, estagiária de Comunicação