Ônibus da EMDHAP realiza primeira ação social

  • Compartilhe nas redes Sociais

Na segunda-feira (02) e na terça-feira (03) desta semana, os agentes da empresa habitacional recolheram assinaturas e documentos faltantes dos moradores do Parque dos Eucaliptos. O novo ônibus da EMDHAP disponibilizou atendimento no próprio núcleo, após horário comercial.

Na terça-feira passada (29/03), o setor de regularização fundiária entregou 144 convocações para as moradias que ainda constavam pendências. Durante os dois dias de atendimento, 72 famílias se dirigiram ao varejão do núcleo, tirando dúvidas do processo, assinando as declarações necessárias e trazendo os documentos solicitados.

“Fomos atender a demanda que trabalha durante o dia e não puderam comparecer a EMDHAP no horário comercial” afirma a assistente social Katia Peron. A ação teve início as 17h00 e finalizou por volta das 20h30.

“É muito importante que todos os moradores compareçam, porque depende de todos os moradores para concluir o processo da regularização” explica Peron. A documentação das famílias tem que estar completa para ser encaminhada ao cartório, muitos moradores do Parque dos Eucaliptos já trouxeram os documentos, mas ainda precisam assinar as declarações.


A EMDHAP busca concluir os trabalhos no núcleo, a fim da titulação do imóvel para esses moradores. No momento a regularização da área se encaixa em interesse social, sendo gratuita, mas os moradores que não atenderam nenhum dos chamamentos e não comparecerem na sede da empresa habitacional, localizada na av. Cristóvão Colombo, nº 1900 – Jardim Algodoal, poderão perder a oportunidade e assumir as consequências da regularização de modo particular, quando se virem prestes a vender a moradia, fazer inventário ou testamento.

A regularização fundiária melhora a qualidade de vida dos núcleos irregulares. O registro dos imóveis corretamente realizado em cartório, diminui a burocracia para arrecadação de verba governamental para implementações de escolas, postos de saúde, asfaltamento e entre outros serviços públicos.

Aqueles que não obedeceram aos chamamentos, poderão comparecer em urgência de última chamada a EMDHAP até 18/04, das 8h00 às 16h30. É necessário trazer o original e a cópia dos seguintes documentos:

– RG, CPF (do casal se for casado);

– Certidão de estado civil (nascimento, casamento, divórcio e óbito);

– Comprovante de residência;

– Telefone para contato;

– Profissão

Os convocados que forem casados ou amasiados precisam comparecer juntos para a assinatura de documentos referente ao imóvel.

    UNIDADE MÓVEL

O ônibus da EMDHAP é fruto da parceria com a SEMUTRI – Secretaria de Transportes Internos e a SEMTRE- Secretaria Municipal do Trabalho e Renda.

A empresa habitacional, procurou a SEMUTRI para cedimento de veículo, a fim da realização de atividades sociais externas, como: vistorias, reconhecimento de núcleos habitacionais, cadastramento de famílias em núcleos irregulares e para as etapas do processo de regularização fundiária. A SEMUTRI pediu autorização da SEMTRE para empréstimo da unidade móvel do órgão.

O ônibus substitui o trailer de atendimento da EMDHAP. O veículo contém mesas de atendimento, TV, frigobar, ar condicionado e o mais importante: rampa de acesso para deficientes físicos e idosos. Para que o atendimento chegue efetivamente a todos.

Texto/Imagens: Lucia Teodoro, estagiária de Comunicação